Seguidores

sexta-feira, 15 de setembro de 2017

Família preparava surpresa para trabalhador que morreu soterrado em Natal; 'era aniversário dele'!

Caso aconteceu nesta quinta-feira (14) na Zona Sul da capital potiguar. Francisco Marcos de Lima Torres completava 29 anos de idade.
"A gente ia fazer uma surpresa para ele. O bolo estava pronto", lamenta Rejane Torres, mãe do trabalhador Francisco Marcos de Lima Torres, que morreu nesta quinta-feira (14) após ter sido soterrado. No momento do acidente, ele instalava um outdoor na Zona Sul de Natal.

Em casa, a família preparava uma festa, quando recebeu a notícia. O homem completava 29 anos de idade. De acordo com a mãe, Francisco trabalhava instalando placas há poucas semanas, de maneira informal. Ela não sabe sequer dizer o nome da empresa para a qual ele prestava serviço quando o acidente aconteceu.

"O que eu quero é que seja feita Justiça. Ele não estava usando equipamento de proteção que era para receber", disse a mãe, emocionada.

O G1 não conseguiu falar com a empresa responsável pelo serviço.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, três homens trabalhavam na escavação de uma área para instalar a base de uma placa de propaganda. Durante a escavação, a área desabou e um deles, o Francisco, foi soterrado.

Ele chegou a ser socorrido com vida, mas morreu a caminho do hospital. Os trabalhadores faziam o serviço sem equipamentos de proteção, segundo os bombeiros.
 

Piora o estado de saúde de Marcelo Rezende: Falência múltipla dos órgãos

Marcelo Rezende tem câncer no pâncreas e fígado e desistiu da quimioterapia (Divulgação/ RecordTV)
Internado desde a última terça-feira (12), no Hospital Moriah, em São Paulo, Marcelo Rezende está em estado crítico. O jornalista, que sofre com as complicações do câncer no pâncreas e fígado, também está com uma grave pneumonia, além de ter sofrido falência múltipla dos órgãos, segundo o site “Purepeople”.
Lu Lacerda, a namorada do jornalista, usou o Instagram para pedir ajuda a Deus. “Querido Deus, cuida de quem eu não posso cuidar. Obrigado! Assim seja“, postou ela na rede social, usando as hashtags “Amor sem limite” e “juntos somos mais fortes”. O apresentador foi diagnosticado com câncer há quatro meses e desistiu de fazer quimioterapia.
Pai de Patrícia, Marcella, Ana Carolina, Valentina e Diego, Marcelo Rezende explicou em um vídeo otimista no dia 3 de setembro, que acredita na cura da doença. “Muita gente vive de boato, e no meu caso até entendo, porque não é toda hora que temos uma informação. O câncer que eu tenho tem altos e baixos, é como uma montanha-russa, mas o importante é que eu estou firme. E aí a cura vai chegar. Eu tenho certeza dela, porque Deus está comigo, Deus está contigo”, disse ele.
Fonte: Yahoo Estilo e vida

sexta-feira, 8 de setembro de 2017

Martins RN: Jovem é assassinado no bairro Jocelin Villar


A Polícia Militar de Martins/RN registra mais uma morte violenta. Neste ano já é a nona. Desta vez a vítima foi o jovem BRENO MAYCON CHAVES DE SOUZA CARVALHO conhecido como  "Gêmeos", alcunha por ter um irmão gêmeo; ele tinha 16 de anos de idade e residia no bairro José Elinas dos Santos (Cohab).

Segundo informações, o homicídio ocorreu por volta de 2:20h da manhã desta sexta-feira, 08 de setembro, no bairro Jocelin villar, no conjunto Manoel Barreto na Rua Padre António Elias dos Santos nº 05, próximo ao campo de aviação aonde o rapaz estava na casa de sua namorada quando elementos encapuzados efetuaram vários disparos de arma de fogo ceifando a vida do jovem de maneira violenta. 
O rapaz e sua namorada  foram surpreendidos pelos acusados quando chegavam em casa vindos de uma festa. A vitima ainda tentou se esconder debaixo da cama, mas, foi executado pelos elementos que fugiram em seguida com destino ignorado.
 A PM local acionou o ITEP de Mossoró para que fossem realizados os procedimentos de praxe.
De acordo com informações expressas no blog Umarizal News: "Ele era usuário de drogas e ultimamente vinha dando muito trabalho aos familiares". O caso Será investigado pela departamento de Polícia Cívil da cidade de MARTINS pela equipe do Dr Cristiano Zadrosny .

Informações: Umarizal News

quinta-feira, 7 de setembro de 2017

Lula nega acusação e diz que Palocci usa depoimento para tentar delação

por Bruno Luiz
Agência Brasil
O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva rebateu no início da noite desta quarta-feira (6) a acusação do ex-ministro Antonio Palocci, que disse em depoimento ao juiz Sergio Moro, que o petista ordenou o pagamento de R$ 300 milhões em propinas ao PT entre o final do governo Lula e os primeiros anos do governo Dilma Rousseff, de acordo com advogados. Em texto publicado na sua página do Facebook, o petista diz que a “história” contada por Palocci é “contraditória” e o acusa de usar o depoimento para tentar selar acordo de delação premiada com o Ministério Público Federal. “A história que Antonio Palocci conta é contraditória com outros depoimentos de testemunhas, réus, delatores da Odebrecht e provas e que só se compreende dentro da situação de um homem preso e condenado em outros processos pelo juiz Sérgio Moro que busca negociar com o Ministério Público e o próprio juiz Moro um acordo de delação premiada que exige que se justifique acusações falsas e sem provas contra o ex-presidente Lula”, afirma. O ex-presidente Lula também declarou que Palocci repete “o papel de réu” de Leo Pinheiro no processo do tríplex do Guarujá, “sem compromisso com a verdade”, validar as acusações do MPF para “obter redução de pena”.


Ministério da Saúde anuncia fim do surto de febre amarela no Brasil

O Ministério da Saúde anunciou nesta quarta-feira (6) o fim do surto de febre amarela no país. Novos casos não são registrados desde o mês de junho. No total, foram 777 casos confirmados e 261 mortes no período entre dezembro de 2016 e agosto de 2017. Há ainda 213 casos em investigação. Ainda assim, o ministro da Saúde, Ricardo Barros, pontuou que a cobertura vacinal deve ser ampliada em muitos estados. "A situação está sob controle, mas precisamos ampliar a cobertura vacinal, precisamos que todas as áreas de recomendação de vacinação tenham 90% de cobertura, essa é a meta", afirmou. O gestor disse ainda que o ministério está preparado para fracionar uma vacinação caso seja necessário atender um grande público em curto período de tempo. De acordo com Barros, o Ministério da Saúde investiu R$ 66,7 milhões para controle do surto, com distribuição de 36,7 milhões de doses extras.

Fim da Linha: Confissão de Palocci é mortal para Lula

Pelo que os advogados relataram, nessa quarta-feira (6) Antonio Palocci deu um tiro mortal em Lula em depoimento ao juiz Sérgio Moro.
Revelou que Lula e o PT fizeram um “pacto de sangue” com a Odebrecht para o recebimento de um pacote de propina no valor de R$ 300 milhões, a ser pago durante o primeiro governo Dilma.
Desse montante, R$ 4 milhões foram destinados pessoalmente a Lula.
Palocci confirmou a delação de Marcelo Odebrecht sobre o Instituto Lula e outras propinas que teriam sidos pagas ao PT e a Lula.

Ministra do STF abre inquérito contra deputado Fábio Faria e governador do RN


O ministra Rosa Weber, do Supremo Tribunal Federal (STF), autorizou abertura de inquérito no STF para investigar o deputado federal Fábio Faria (PSD-RN) e o governador do Rio Grande do Norte, Robinson Faria (PSD), em razão das delações premiadas da JBS. As suspeitas são de corrupção passiva e caixa dois, ou seja, fraude na prestação de contas ao deixar de declarar valores recebidos, crime previsto no artigo 350 do Código Eleitoral.

O pedido foi feito no fim de junho pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot, que também solicitou ao ministro Luiz Edson Fachin, responsável pela homologação das delações da JBS, sorteio para novo relator por não ter relação com a Lava Jato. Rosa Weber recebeu o caso em agosto e a decisão de abrir inquérito é do dia 4 de setembro, mas foi publicada no processo somente na quarta-feira (6).

Segundo o pedido, o executivo Ricardo Saud afirmou que Fábio Faria e Robinson Faria receberam doações não declaradas à Justiça Eleitoral. O acordo de Saud passa por revisão em razão da suspeita de que ele omitiu dados na delação premiada, mas, segundo Janot, as provas que ele apresentou são válidas.

Delação

O delator disse que a J&F repassou R$ 10 milhões sob condição de que a Companhia de Água e Esgoto do Estado do Rio Grande do Norte fosse privatizada, "dando conhecimento prévio do edital a empresa para que pudessem alterá-lo a seu favor, a fim de obter vantagens competitivas em detrimento ao mercado". Janot destaca que, apesar de ter havido pagamento, a contrapartida não foi efetivada porque a empresa perdeu o interesse no projeto.

Os R$ 10 milhões, segundo Janot, foram repassados da seguinte forma: R$ 2 milhões ao PSD Nacional; R$ 2 milhões à EA Pereira Comunicação Estratégica; R$ 1,2 milhão ao escritório Erick Pereira Advogados por meio de nota fria; cerca de R$ 2 milhões entregue ao deputado Fábio Faria; e quase R$ 1 milhão entregues ao deputado no Supermercado Boa Esperança, em Natal.

Além de autorizar a investigação, a ministra também atendeu pedido de diligências, ou seja, coleta de provas. Ela liberou a coleta de dados sobre prestação de contas; depoimentos sobre os repasses de dinheiro a Fábio Faria no supermercado e em relação às notas emitidas; além dos depoimentos de Fábio Faria e Robinson Faria.

Para a ministra, as diligências pedidas "se mostram proporcionais sob o ângulo da adequação, razoáveis sob as perspectivas dos bens jurídicos envolvidos e úteis quanto à possível descoberta de novos elementos que permitam a investigação avançar".

Outro lado

O advogado do governador Robinson Faria e do deputado Fábio Faria, José Luis Oliveira Lima, disse, em nota, que a decisão da ministra é protocolar e apenas cumpre o rito previsto para apuração dos fatos.

“É importante registrar que tão logo esses fatos foram noticiados, apresentamos petição ao STF desmascarando a farsa das alegações contra o deputado e o governador. O áudio de Ticiane, esposa de Joesley, desmente a fala do Sr. Ricardo Saud, e ela própria se oferece como testemunha de defesa”, informa a nota.

O advogado diz ainda que “a mentira dos delatores da JBS ficou provada também pela falsa montagem dos fatos, provando-se que eles manipulam datas para forjar um crime inexistente”.

Colaborou G1 RN
Por Mariana Oliveira, TV Globo

segunda-feira, 4 de setembro de 2017

Líderes do Brics defendem solução pacífica para questão nuclear na península coreana

Os cinco líderes do Brics - grupo formado por Brasil, a Rússia, Índia, China e África do Sul - querem uma solução pacífica para a questão da Coreia do Norte com negociação direta entre as partes.

Sobre as eventuais sanções prometidas por Donald Trump para os países que têm comércio com os norte-coreanos, os chineses disseram que eram inaceitáveis e injustas. 

Já o chanceler brasileiro Aloísio Nunes afirmou que o Brasil só aplica sanções que sejam negociadas pelo Conselho de Segurança da ONU. 

Durante a reunião ampliada, o presidente Michel Temer defendeu a abertura da agência do Banco do Brics no Brasil. O assunto ficou fora do comunicado final, mas a ideia é que um escritório do banco seja inaugurado em São Paulo nos próximos dois anos, quando o Brasil assume a presidência do grupo. 

Xiamen (China) Embed
Vivian Oswald, da Radio France Internationale
Via: EBC

SUS terá medicamento para tratamento de convulsões em pacientes com microcefalia

O Sistema Único de Saúde (SUS) incorporou a oferta do medicamento Levetiracetam para o tratamento de convulsões em pacientes com microcefalia. O governo publicou na edição de hoje (4) do Diário Oficial da União a portaria que regulamenta a oferta do fármaco na rede pública de saúde.
O prazo máximo para que o medicamento esteja disponível no SUS é de 180 dias, a partir da publicação da portaria.
O governo brasileiro decretou Emergência Nacional em Saúde Pública em novembro de 2015 devido ao vírus Zika e sua associação com microcefalia e outas alterações neurológicas.
Transmitido pelo mosquito Aedes aegypti, o vírus Zika provoca sintomas semelhantes aos da dengue e da febre chikungunya. Em novembro de 2015, o Ministério da Saúde confirmou que, quando gestantes são infectadas pelo vírus, podem gerar crianças com microcefalia, uma malformação irreversível do cérebro, que pode vir associada a danos mentais, visuais e auditivos.
O Levetiracetam também será incorporado ao SUS para o tratamento de pacientes com epilepsia mioclônica juvenil resistentes à monoterapia, de modo associado ao medicamento já utilizado.

Edição: Fernando Fraga
Yara Aquino - Repórter da Agência Brasil 

Maia defende privatizações e questiona estabilidade no emprego público

O presidente da República em exercício, Rodrigo Maia, defendeu hoje (4) a privatização das empresas públicas durante o Fórum Exame, voltado a empresários, na capital paulista. “Não precisamos privatizar para zerar o déficit público, mas para ter certeza de que sabemos que, nas mãos do setor privado, [as empresas] são mais eficientes”, disse.
Maia levantou também a questão da estabilidade do emprego no setor público. “Existem áreas em que será necessária alguma estabilidade, outras não são necessárias”. O presidente em exercício citou como argumento para uma possível mudança no status dos servidores a falta de recursos para a Previdência pública não apenas em âmbito federal, mas também nos estados brasileiros.
Denúncia contra Temer
Sobre a análise de uma possível nova denúncia a ser oferecida pela Procuradoria-Geral da República (PGR) contra o presidente Michel Temer, Maia disse que é importante que a questão se encerre rapidamente para não prejudicar a agenda de reformas.
Maia declarou que respeitará as decisões da PGR, mas que, se não houver embasamento, a denúncia será arquivada. A expectativa é que a Câmara dos Deputados aprecie a denúncia até o final de setembro. “Temos que começar a separar as coisas. A gente precisa que a Câmara tenha uma agenda de reformas permanente”, defendeu.
Reforma da Previdência
Segundo Maia, a previsão é de que a reforma da Previdência entre em votação em outubro e que a maior dificuldade será conseguir os votos necessários para a aprovação em primeiro turno. “O problema não é a data, é ter voto para votar. Hoje tem menos votos do que antes”, declarou. Ele calcula que, atualmente, não será possível alcançar mais que 280 votos, quantidade abaixo dos 308 necessários para uma mudança na Constituição.
Maia pretende reverter o cenário. “É questão de trabalhar e mostrar a urgência para os parlamentares”, disse. Ele afirmou que trabalha todos os dias no convencimento dos deputados no tema que, segundo ele, ainda é polêmico. “Aprovada a reforma da Previdência ainda este ano, o impacto na economia ano que vem vai ser muito forte e vai colaborar com a eleição de 2018”, defendeu.

Edição: Lidia Neves
Fernanda Cruz - Repórter da Agência Brasil 

Petrobras anuncia nova alta e gasolina sobe mais de 10% no mês

A Petrobras anunciou nesta segunda-feira nova elevação nos preços da gasolina em suas refinarias, que passam a acumular alta de mais de 10% em poucos dias de setembro, após o furacão Harvey fechar refinarias nos Estados Unidos e levar a uma disparada nos valores de referência do combustível na semana passada.
A estatal disse em comunicado que o novo reajuste foi decidido por seu Grupo Executivo de Mercado e Preços (GEMP), convocado quando há necessidade de reajustar os combustíveis em mais de 7% para cima ou para baixo em um único mês. 
 

DO GOVERNADOR DO RN: “Serei candidato e reeleito governador”



A frase da semana que movimentou o meio político do estado veio do atual governador do Rio Grande do Norte Robinson Faria, que confirmou a aliados o desejo de continuar a frente dos negócios do estado potiguar.
Confiante que terá novamente a chance de sentar na cadeira executiva para governar o RN, Robinson trabalha para alinhar as finanças do estado, colocar os salários do servidores em dia e trazer investimentos e indústrias.
"Serei candidato e reeleito governador", com esta frase impactante, Robinson Faria mostra que não está frágil como muitos pensam, mas que está aprendendo com os próprios erros e que pode fazer bem mais na segunda gestão. 

Do Blog Jair Sampaio / Márcio Melo 
Via: Nossa Pau dos Ferros RN

Projeto aumenta penas e condiciona liberdade de estuprador à castração química

bolsonaro 25092013A Câmara analisa o Projeto de Lei 5398/13, do deputado Jair Bolsonaro (PP-RJ), que estabelece a castração química como condição para o condenado por estupro voltar à vida em sociedade. A proposta também altera a Lei de Crimes Hediondos (8.072/90) para incluir essa obrigatoriedade na progressão do regime.
Atualmente, o Código Penal (Decreto-Lei 2.848/40) estabelece que o condenado por crime doloso com violência ou grave ameaça, como o estupro, só pode ser solto se ficar comprovada a intenção de não mais cometer o crime.
Segundo Bolsonaro, países como Estados Unidos, Inglaterra, Itália e Polônia têm leis que estabelecem a castração química com resultados positivos. “Tais medidas, por si só, já inibem a ocorrência de crimes do gênero em maior quantidade nesses países”, afirmou. De acordo com ele, há uma tendência mundial de mobilização contra a violência sexual, em especial sobre a reincidência em crimes de estupro.
Penas maiores
O projeto também aumenta as penas para estupro e estupro de menores de 18 anos. Pela proposta, a pena mínima para estupro sobe de 6 para 9 anos; e a máxima vai de 10 para 15 anos.

Nos casos de estupro de adolescente entre 14 e 18 anos, a pena deve variar entre 12 e 18 anos, e não mais de 8 a 12 anos, como atualmente. Para estupro em que a vítima morre, a pena mínima sobe de 12 para 18 anos.
Nos casos de estupro de menor de 14 anos, a pena subirá de 8 a 15 anos para 12 a 22 anos. Se a vítima ficar gravemente ferida, a pena passa de 10 a 20 anos para 15 a 25 anos. Quando a criança ou adolescente morrer, a pena mínima será de 18 e não mais 12 anos.
Tramitação
A proposta será analisada pela Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania e, depois, seguirá para o Plenário.

ÍNTEGRA DA PROPOSTA:




Reportagem – Tiago Miranda
Edição – Pierre Triboli

sexta-feira, 25 de agosto de 2017

NY Times: Lula ainda é o político mais popular do Brasil

Neste último período, temos presenciado com muita frequência o arbitrário ganhar força de lei. Seja a luz do dia, seja na calada da noite, o certo é que não cessa a produção de arbitrariedades e estranhezas políticas produzidas sobre tudo nas redações da rede globo, nos gabinetes da FIESP, nos porões do palácio do planalto, nos plenários da Câmara, do Senado e nos gabinetes e plenário do STF.
O que nos causa mais perplexidade é o fato de toda estas arbitrariedades “legalizadas”, serem dirigidas a uma única pessoa e com objetivo explicito de destruí-la politicamente. Não existe registro em nossa história de um cidadão que tenha sido mais perseguido pela mídia e pelo poder judiciário do que o companheiro Lula.

Se não, vejamos: Lula não pôde tomar posse como ministro no governo Dilma,não pode receber titulo honoris causa, não pode receber doação, não pode ser candidato a presidente e por ai vai. Mas, enquanto a elite conservadora persegue Lula, o povo brasileiro lhe acompanha pelo sertão do meu Nordeste. O companheiro Lula está em mais uma caravana pelo sertão do nordeste brasileiro.

A primeira foi em 1993, durante 20 dias a caravana da cidadania percorreu 4.500 quilômetros, visitou aproximadamente 60 cidades, dialogando com seus moradores e constatou um pedaço do Brasil esquecido, dominado pelos coronéis da política e marcado pela fome, miséria e desnutrição infantil.

Passados 24 anos, o companheiro Lula arruma as malas e segue mais uma vez ao encontro do povo, dessa feita, para prestar contas do legado de seu governo e manter acesa a esperança nos corações e mentes dessa brava gente. Se na primeira caravana o objetivo era ouvir o povo, agora é falar ao povo do muito que foi feito. Destacaremos aqui apenas 4 políticas que transformou o nordeste.

1. Política de Crescimento e desenvolvimento econômico e social
Entre 2003 e 2013, o NE teve índice de crescimento de 4,1% ao ano; em 2012, a economia cresceu o triplo da brasileira; entre 2001 e 2012, o NE teve o maior ganho de renda entre todas as regiões; Em 2002, apenas cinco milhões de nordestinos tinham emprego formal; em 2013, esse número passou para quase nove milhões.

2. Política de Inclusão social
Em 2002, mais de 21,4 milhões de nordestinos viviam em situação de pobreza;

em 2012, esse número caiu para 9,6 milhões;o NE responde por 61% na redução da pobreza no país entre 2003 e 2013; nesse mesmo período, mais de 35 milhões de pessoas e 7 milhões de famílias foram beneficiadas pelo maior programa de transferência de renda do mundo. Nos governos petistas, as taxas de mortalidade infantil caíram e as de alfabetização, aumentaram.O Nordeste teve a maior redução no número de crianças mortas na primeira infância,

3. Política educacional
Em 2000, o Nordeste tinha 413.709 universitários. Em 2012, esse número saltou para 1.434.825. O número de cursos de doutorado e mestrado também cresceu 33% entre 2010 e 2012 no Nordeste. Com isso, a região ultrapassou o Sul e passou a segunda com maior número de estudantes do ensino superior 20% do total –, atrás apenas do Sudeste; Sete das 18 universidades criadas nas gestões petistas estão no Nordeste. E cada uma mantém unidades em mais de um município, beneficiando 28 cidades.

4. Combate à Seca
Lula e Dilma levaram água ao semiárido nordestino, impactando diretamente a vida de 12 milhões pessoas. A transposição foi iniciada e levada até 86,3% de conclusão pelas gestões petistas no governo federal. os governos do PT Instalaram 1,2 milhão de cisternas para consumo humano, pelo o Programa Água para Todos, garantindo água a 22 milhões de sertanejos. para levar acesso à eletricidade de forma gratuita, o governo Lula criou o programa Luz para Todos. O programa já tinha atendido, até 2015, mais de 1,5 milhão de famílias, beneficiando cerca de 7,5 milhões de pessoas.


Não existe hoje, nenhum político em atividade ou morto que tenha feito mais pelo Brasil e em especial pelo Nordeste do que Lula. Desafio qualquer coxinha desavisado a provar o contrário. Não deixaria os gatos e cachorros abandonados nas ruas de Natal pelo Prefeito Carlos Eduardo, aos cuidados dos dois pré-candidatos da direita fascista a presidência da republica..
 

Confrontos entre facções rivais deixa população de Umarizal no fogo cruzado

Na tarde de ontem (24), por volta das 13:50 horas, um trio em um veículo tipo Corola de cor branca, chegaram em uma residência no bairro Mutirão e passaram a atirar na fachada da casa onde residem elementos rivais.
Segundo um morador da casa, foram reconhecidos como atiradores, as pessoas de Arthur do bairro Caraíbas (Proprietário do Corola) e a jovem por nome de Ruth, filha de Adriana de Fátima da FM, e que segundo informações policiais, os alvos seriam um morador da casa por nome de Sidney e o cunhado conhecido por João Paulo da Silva Lima, "João dos Ferros" (Que é foragido da justiça).

Já a noite, por volta das 21:30 horas, houve um novo tiroteio envolvendo as mesmas pessoas, só que dessa vez o crime aconteceu em via pública entre a pizzaria e a Escola Estadual 11 de Agosto, na avenida 27 de Novembro, local que fica sempre com um grande número de pessoas devido aos bares, lanchonetes e pizzaria.
Segundo informações, nessa nova investida, novamente Arthur usou o seu veículo tipo Corola para atirar contra um veículo tipo Fiat Uno de cor vermelha, o qual estava ocupado pelas jovens Cinthia e Tamires. Essa ultima é irmã de Sidney e namorada de João dos Ferros, e ficou ferida pelos estilhaços de vidros do veículo.
Cinthia e Tamires informaram aos Policiais Militares que na noite de ontem passaram em frente a casa de Adriana, no veículo tipo Fiat Uno, e a partir dai passaram a ser seguidas por um carro de cor branca. Como elas sabiam se tratar do mesmo carro usado no atentado da tarde, empreenderam fuga na direção do centro, e ao chegarem na pizzaria, pensando que lá estariam seguras, pararam o veículo e logo os elementos do carro branco abriram fogo contra o carro delas.
Após a última investida dos elementos, logo surgiram áudios nas redes sociais (Whatsapp), informando de possíveis alvos dos criminosos, sendo o tal João dos Ferros, Isack e Naldo.

A seguir... Cenas dos próximos capítulos!
 

ESTUDANTE DE MEDICINA MORRE AO BATER CARRO COM POSTE NA RN-288

O jovem apodiense estava sozinho no carro modelo Celta de cor vermelha. A colisão foi lateral, justamente na porta do motorista.
Um estudante de medicina morreu ao bater o carro contra um poste no início da tarde desta sexta-feira (25) na RN-288, entre Caicó e Jardim de Piranhas, região Seridó potiguar. O motorista foi identificado pela Polícia Militar como Felipe de Lima Fernandes, de 23 anos.
De acordo com a Polícia Militar, o caso aconteceu por volta das 12h20.
O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência e o Corpo de Bombeiros foram acionados ao local, mas constataram a morte do jovem.
Ainda segundo a Polícia Militar, ele fazia o curso de medicina na Universidade Federal de Campina Grande (UFCG), na Paraíba, e seguia para Apodi, onde morava sua família.
A polícia acredita que o jovem perdeu o controle do carro e saiu da pista, mas não soube explicar como isso aconteceu, já que o trecho não tem curva acentuada nem condições de estrada que poderiam facilitar o acidente. O caso será investigado.
 

sexta-feira, 18 de agosto de 2017

A FARRA DOS SALÁRIOS ALTOS NO JUDICIÁRIO CORRE PELO BRASIL

Juízes de Pernambuco pedem auxílio-alimentação durante férias e conseguem R$ 7 milhões retroativos.
A entidade que representa juízes e desembargadores no estado, a Associação dos Magistrados de Pernambuco (Amepe), entrou com um processo administrativo no Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE) para que a classe recebesse auxílio-alimentação durante as férias. Mas não só isso. Pediu também que os valores fossem pagos de forma retroativa. Inicialmente o TJPE vetou o pedido. A Amepe entrou com recurso administrativo e finalmente, por maioria de votos, o recurso foi provido.
O assunto ganhou as redes sociais e gerou furor no meio jurídico. Na crise, um dos votos contrários à concessão do benefício de forma retroativa foi o atual presidente do Tribunal, o desembargador Leopoldo Raposo. Em seu voto, ele disse que o ato administrativo não poderia retroagir e ainda informou que o custo da medida seria de R$ 7 milhões.
Mas não teve jeito. O benefício foi sim provido – por um erro, a informação publicada na versão impressa da coluna foi de que o recurso não teria sido provido. Foi sim. A correção será publicada na coluna desta sexta (18), no JC.
Abaixo, segue nota da Amepe em que a entidade celebra a reversão no TJPE e comemora o benefício:
“A Associação dos Magistrados de Pernambuco (AMEPE) esclarece que fez o requerimento ao TJPE visando corrigir uma injustiça em relação a concessão do auxílio alimentação para os juízes de Pernambuco. Diferentemente dos promotores e de todos os juízes do País, os magistrados do Estado eram os únicos que não recebiam o auxilio alimentação nas férias. O Ministério Público e todos os Tribunais do País já reconheciam esse direito. Nesse sentido, a Associação requereu o pagamento ao TJPE, que inicialmente indeferiu o pedido. A entidade recorreu e finalmente foi feito justiça. A AMEPE entende que não há nenhuma ilegalidade, pelo contrário, foi reparada uma injustiça em relação a esse benefício, que, inclusive, é concedido a todos os trabalhadores que recebem vale ou auxílio alimentação”.

*No blog Pingafogo, do Jornal do Comércio/ Neto Queiroz.

Governo federal enviará equipe técnica ao RN para diagnosticar soluções para violência

Decisão foi anunciada nesta quinta-feira (17) por Michel Temer. Bancada potiguar cobrou providências em reunião com o presidente.
Uma equipe técnica, composta por delegados e técnicos, da Secretaria Nacional de Segurança (Senasp) viaja até o Rio Grande do Norte na próxima semana para se reunir com representantes da Secretaria de Estado da Segurança Pública e Defesa Social (Sesed). O objetivo é diagnosticar, em conjunto com as autoridades locais, os pontos mais atingidos pela violência que assola o estado, e definir quais as ações devem ser implementadas nos próximos dias para combater os altos índices de criminalidade.
A decisão foi anunciada nesta quinta-feira (17) pelo presidente Michel Temer, durante reunião com a bancada federal potiguar. O encontro foi solicitado no início da semana pelo senador José Agripino (DEM). “Vou ter um olhar especial para o Rio Grande do Norte. Agora, peço a contrapartida do governo do estado para dar sequência às nossas ações dentro de um plano estratégico de emergência interno”, disse o presidente Temer no decorrer da reunião.
Durante o encontro, também ficou decidido que deputados e senadores do RN analisem o remanejamento de algumas das suas emendas parlamentares em prol da segurança estadual. Para Agripino, o Rio Grande do Norte vive um dos piores momentos no que diz respeito à ausência de segurança pública e a união de esforços é fundamental para "a organicidade do aparelho de segurança pública potiguar".
Segundo a secretária estadual de Segurança, Sheila Freitas, que também foi à reunião, o RN vai cobrar da União dispositivos, como coletes, armamento, munição e viaturas cedidos para todas as cidades-sede da Copa do Mundo, como é o caso de Natal. Material que o Governo Federal ainda deve ao estado do Rio Grande do Norte.
“Vivemos essa calamidade em virtude das deficiências que enfrentamos no efetivo da polícia. E não só isso: é deficiência de viaturas, armamentos, coletes balísticos. Nosso pedido de socorro ao governo federal é porque o crime organizado se instalou no RN; migrou dos grandes centros para o Nordeste. O apoio da União é imprescindível neste momento delicado pelo qual passa a segurança do nosso estado”, disse Sheila.
Também participaram da reunião o senador Garibaldi Alves (PMDB) e os deputados Felipe Maia (DEM), que é o coordenador da bancada; Rafael Motta (Pros); Beto Rosado (PP); e Walter Alves (PMDB). Além dos parlamentares, compareceram o secretário Nacional de Segurança, general Carlos Alberto Cruz; o secretário Executivo do Ministério da Justiça, José Levi Melo do Amaral Junior; o ministro Eliseu Padilha e o comandante-geral da Polícia Militar do RN, coronel Osmar José Maciel de Oliveira.
Para o coronel Osmar, o encontrou foi proveitoso. "Mostramos a realidade da segurança publica do RN e tudo o que a Corporação, como uma grande equipe, tem feito para reduzir os índices de criminalidade. Nosso efetivo tem se esforçado, mesmo diante das dificuldades", disse.

*G1 RN.

Gadget

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.